Neste sábado (16), em São Paulo, o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) deu um passo importante para a consolidação de uma nova rede de lutas feministas e para a construção de novas candidaturas de mulheres para as eleições com o lançamento oficial  da “Caravana Mulheres pelo Brasil – Por um país com equidade e mais mulheres na política”. O evento fez parte da programação de seminário sobre o tema, realizado pela Secretaria Nacional de Mulheres do PCdoB.

A secretária nacional Daniele Costa convocou toda a militância do partido, sobretudo a feminina, a se unir nesse movimento e destacou a função dessa caravana na atual conjuntura brasileira: “Nós enfrentaremos grandes batalhas no ano de 2024, que é um ano eleitoral, e o PCdoB é um partido estratégico na disputa política para fortalecer esse projeto democrático que nós estamos construindo e reconstruindo no país, a partir da eleição de Lula”, disse. 

Leia também: Seminário de mulheres reforça compromisso do PCdoB com lutas interseccionais 

A caravana tem início no mês de março no Rio de Janeiro e segue até o mês de julho, passando pelas cidades de Manaus (AM), Goiás (GO), Recife (PE), Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS) e Salvador (BA).  Em cada localidade, a caravana terá programação de dois dias, contando com atividades culturais, cursos e oficinas, debates, atos públicos e ações de organização partidária.  

“Caravana é cultura de caminhar, de se movimentar”, destacou Daniele Costa. E completou: “Então a caravana, para nós, tem esse sentido de circular e também fazer circular as nossas ideias, as nossas causas. Engajar as mulheres para que nós tenhamos mais capacidade de eleger mais mulheres. Mais mulheres na política significa fortalecer o sentido democrático do nosso país. Não existe democracia que não tenha a participação das mulheres”.

Após o lançamento, foi promovido um ato de solidariedade às mulheres e a todo o povo da Palestina, que tem sofrido com o brutal e sanguinário massacre perpetrado por parte de Israel na Faixa de Gaza.

Leia também: Juntas, mulheres impulsionam outras mulheres

Participaram a escritora Ana Prestes, secretária de Relações Internacionais do PCdoB; Hudi Shuqair, ativista da causa Palestina e Amanda Harumy, do secretariado da Organização Continental Latino-Americana e Caribenha de Estudantes (OCLAE). O seminário de lançamento da Caravana aconteceu ao longo de dois dias, com mais de 100 participantes presencialmente, oriundas de 19 diferentes estados, além de cerca de 150 outras que integraram o evento virtualmente.

Fotos: Keiny Andrade